SOBRE O EVENTO

Colóquio do LEPSI

 

Informações básicas

Ainda são poucos os espaços universitários públicos dedicados aos estudos e às pesquisas de caráter interdisciplinar, mas tendo como eixo a psicanálise, sobre a infância. Por essa razão, em 1998, os professores Maria Cristina Kupfer do Instituto de Psicologia e Leandro de Lajonquière da Faculdade de Educação fundaram na Universidade de São um espaço de encontro, reunião e trabalho inter-unidades chamado LEPSI - Laboratório de Estudos e Pesquisas Psicanalíticas e Educacionais sobre a Infância.

Graças à dedicação profissional e ao trabalho cooperativo de numerosos colegas e amigos, o LEPSI IP/FE - USP desenvolve uma série de atividades regulares de docência e divulgação acadêmica. Assim, ocorre com freqüência mensal a realização dos Eventos de Formação Continuada, gratuitos e abertos ao público, sobre diversas temáticas relativas à clínica e a educação na infância problemática. Por outro lado, oferece, na Faculdade de Educação, o curso de extensão anual, em nível de Aperfeiçoamento, "Psicanálise, Infância e Educação", sob a coordenação conjunta dos professores Maria Cecília C. C. de Souza e Leandro de Lajonquière, bem como outros cursos em nível de Atualização.

Informações adicionais sobre o Colóquio LEPSI IP/FE - USP podem ser obtidas a partir da página oficial do evento: http://apache.fe.usp.br/laboratorios/lepsi/.

 

Histórico

Em 1999, foi organizado o Iº Colóquio do LEPSI "A Psicanálise e os impasses da Educação". Na época, a organização da reunião foi parcialmente financiada com recursos dos programas de pós-graduação de Psicologia e Educação. Contou-se com a participação de um pesquisador francês, um de Brasília e um outro de Porto Alegre, bem como de seis professores da USP. Foram apresentadas 40 Comunicações Livres, oriundas de diversas regiões do país, e contou-se um público de 200 pessoas.

No entanto, o II º Colóquio do LEPSI "A Psicanálise, a Educação e os Impasses de Subjetivação no Mundo Moderno", organizado em 2000, em associação com a Pré-escola Terapêutica Lugar de Vida do IPUSP e graças ao auxílio financeiro parcial da FAPESP (Proc. 00/03987-0) e do CNPq (Proc. 451130/00), reuniu 18 pesquisadores (USP, PUC-SP, UERJ, UnB, UNISINOS, APPOA, Universidad Nacional de Rosario, Universidad de Buenos Aires, Université de Paris 13). Na ocasião foram apresentadas 42 Comunicações Livres oriundas de diversas regiões do país (houve duas procedentes de Argentina), selecionadas de um universo de 73 resumos submetidos à avaliação da Comissão de Trabalho. O público presente foi de 380 pessoas, na sua maioria estudantes de pós-graduação, profissionais e funcionários públicos das áreas da saúde e da educação.

O IIIº Colóquio do LEPSI "A Psicanálise, a Infância e a Educação", realizado em 2001, graças ao auxílio financeiro parcial da FAPESP (Proc. 01/07641-4) e do CNPq (Proc. 45.2615/01-1), reuniu 15 pesquisadores (psicanalistas, linguístas e filósofos) em 5 mesas de debate, procedentes da França, Argentina e das cidades brasileiras de Porto Alegre, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e São Paulo. Dois deles - autores de livros com lançamento previsto nessa oportunidade - ministraram um Seminário Temático cada um na véspera do colóquio propriamente dito. Na época, a grande quantidade de Comunicações Livres surpreendeu o Comitê Organizador. Após rigorosa seleção, foram constituídas 27 Sessões de Comunicação de três jovens pesquisadores (total de 81, procedentes de cursos de pós-graduação de diversas universidades brasileiras e de uma universidade nacional argentina). O público geral foi de 350. Foram objeto de debate diversos temas relativos à educação escolar e a clínica quando, justamente, o usufruto do tempo da infância parece estar ameaçado, ora pela presença dos problemas de desenvolvimentos, ora pelo esgotamento dos dispositivos pedagógicos clássicos.

O IVº Colóquio do LEPSI "Os adultos, seus saberes e a infância", realizado entre 18 e 19 de outubro de 2002, reuniu 15 conferencistas provenientes do Brasil, Argentina e França, contando ainda com a apresentação de painéis de experiências institucionais durante os horários de intervalo. O público total foi de aproximadamente 250 pessoas. Processo FAPESP nº 02/00150-8.

[Home] [Instruções aos autores] [Versão impressa]


2002-2004 LEPSI IP/FE - USP

Av. da Universidade, 308
CEP 05508-900 São Paulo SP - Brasil
Tel./Fax: (55 11) 3815-0194


lepsi@fe.usp.br