5, v.2Procedimento para averiguação operacional de sistemas fotovoltaicos de bombeamentoPrograma de eficiência energética através da troca de condicionadores de ar no setor residencial de Manaus: uma experiência concreta author indexsubject indexsearch form
Home Pagealphabetic event listing  

Encontro de Energia no Meio Rural



Abstract

ALVES, Josias Manoel. Processo de eletrificação rural e a expansão da agroindústria no extremo sudoeste goiano. In Procedings of the 5th Encontro de Energia no Meio Rural, 2004, Campinas (SP) [online]. 2004 [cited 28 May 2024]. Available from: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000022004000200037&lng=en&nrm=iso> .

A princípio, o processo de eletrificação rural no extremo sudoeste goiano poderia ter sido uma importante ferramenta para o homem do campo em função do melhoramento da sua qualidade de vida através do uso da eletricidade para fins domésticos ou como insumo aplicado no seu processo produtivo. Toda via, o Programa de Eletrificação Rural, nesta micro-região, se desencadeou ainda na segunda metade da década de 1980 através do convênio técnico e financeiro firmado entre o Governo Estadual, Federal e o The Overseas Economic Cooperation Fund, OECF (organismo do governo japonês que naquele momento estava proporcionando mecanismo de dependência técnica e financeira a projetos em países em desenvolvimento). Mediante tal panorama internacional favorável, no extremo sudoeste goiano, acabou se deflagrando o processo de eletrificação rural. Em dez anos, período em que o projeto se manteve mediante a manutenção dos devidos investimentos técnicos e financeiros, foram atendidas 981 propriedades rurais nas cidade de Rio Verde, Jataí e Mineiro, compondo assim a micro-região do extremo sudoeste goiano, com a instalação efetiva de 2.078 km de rede elétricas nas tensões de 13,8 e 34,5kV2. Por conseguinte, quase duas décadas depois de tal evento, é necessário ir a campo para se constatar os efeitos que esse projeto produziu na vida do homem do campo. Com o objetivo de caracterizar o aproveitamento de energia elétrica em três propriedades rurais beneficiadas pelo projeto OECF, no extremo sudoeste goiano, se procedeu à verificação, análise e descrição de situações pertinentes às instalações elétricas para fins produtivos e necessidades domésticas. Constatou-se assim, que todas as propriedades que foram contempladas pelo respectivo projeto faziam uso de motores elétricos para diversos fins tais como: irrigação, fabricação de ração, trituradores de ração e ordenha mecânica; Além é claro, do uso do respectivo insumo para fins domésticos, assim como, iluminação e conservação de alimentos. Ficando assim evidente, que nas propriedades identificadas, resguardadas suas particularidades, se verificou um uso expressivo de energia elétrica, seja para fins domiciliares ou como insumo a ser agregado ao processo produtivo para a obtenção de melhores índices de produtividade e qualidade dos produtos.

Keywords : Eletrificação Rural; Uso Final de Eletricidade; Expansão da Agroindústria.

        · abstract in english     · text in portuguese     · pdf in portuguese