8, v.1The communication of the nursing team about the localization of the place of insertion of intravenous device(s): instrument making and maintenanceInterpersonal relationship: important birth care factor according to the evaluation by the mothers author indexsubject indexsearch form
Home Pagealphabetic event listing  

Brazilian Nursing Communication Symposium
SIBRACEN


Abstract

MUNHOZ GAIVA, Maria Aparecida and SCOCHI, Carmen Gracinda Silvan. A comunicação entre a equipe e os pais em uma UTI neonatal de um hospital universitário. In Proceedings of the 8. Brazilian Nursing Communication Symposium, 2002, San Pablo (SP, Brazil) [online]. 2002 [cited 24 February 2021]. Available from: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000052002000100048&lng=en&nrm=iso> .

Trata-se de um estudo descritivo numa perspectiva qualitativa, com o objetivo de analisar o processo de comunicação entre a equipe de saúde e os pais em uma UTI Neonatal de um hospital universitário de Cuiabá-MT. Os dados foram coletados através da observação participante. Percebemos que a interação da equipe com os pais se dá, na maioria das vezes, de forma automatizada, impessoal e mecanizada, inexistindo comunicação não verbal afetiva no contexto do trabalho. Em geral, são discursos autoritários com assimetria na comunicação, colocando os pais como meros ouvintes. Apreendemos que as mães têm necessidades especiais, como ser ouvida e expressar seus sentimentos, e a equipe não está instrumentalizada com conhecimentos e tecnologias de interação para atender a essas necessidades. A comunicação deve favorecer o cuidado de qualidade, portanto, o conhecimento e a implementação de instrumentos que facilitem a interação com a família são fundamentais na busca por uma assistência humanizada.

Keywords : processo de comunicação; interação equipe-família; UTI Neonatal; humanização do cuidado.

        · abstract in english     · text in portuguese     · pdf in portuguese