2Experiência de atendimento da família e do adolescente: Projeto Prisma- uma alternativa de trabalho com crianças, adolescentes e famílias com queixa escolar author indexsubject indexsearch form
Home Pagealphabetic event listing  

Simpósio Internacional do Adolescente



Abstract

PEDROSO, Marilda Almeida, OKAZAKI, Egle Lourdes Fontes Jardim, CAVALIERI, Joyce et al. Gravidez na adolescência: números do Hospital Maternidade Interlagos, retrato de uma realidade. In Proceedings of the 1th Simpósio Internacional do Adolescente, 2005, São Paulo (SP) [online]. 2005 [cited 28 January 2022]. Available from: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000082005000200062&lng=en&nrm=iso> .

O presente trabalho é um retrato da vida da adolescente da comunidade de Interlagos, que muito cedo experiência as agruras de ser mãe, quando ainda muito necessita como filha. São dados relativos ao período de dez/2004 à fev/2005 do Hospital Maternidade Interlagos e que dizem de uma realidade preocupante. Das 179 adolescentes grávidas que deram à luz no referido hospital, 43 adolescentes estão na segunda gestação, ou seja, 25% dessas jovens já haviam vivido os dramas de conceber uma criança quando ainda se é uma criança e mais uma vez vivem a perplexidade de ter crescendo dentro de si um outro ser. Dessas 43 adolescentes 23,3% estão na faixa etária de 16 anos. Esses dados mostram a necessidade de políticas educacionais que atendam à adolescente preventivamente em todos os âmbitos, ou seja, na escola enquanto instituição formadora da futura mulher e nas maternidades na formação da futura mãe que ainda vive a adolescência e que poderá ver se repetir essa experiência na sua vida. Tais dados revelam ainda a necessidade de estudos e pesquisas sobre a "dramática" da adolescente brasileira na contemporaneidade. Estudos recentes de psicanálise localizam na cultura as razões da patologia que invade o imaginário adolescente e consolida a tirania na relação da jovem com seu próprio corpo. Seu corpo é seu único bem e deve lhe render os ganhos desejados. Exibe, usa, vende e entrega seu único bem na tentativa de sentir-se completa, de obter da vida os prazeres sonhados. O objetivo do presente trabalho, é a partir da perspectiva da Psicopedagogia, propor que tais programas sócio educacionais visem o campo da aprendizagem e que tenham como enfoque o "aprender a ser". Aprender a ser mulher, mãe e cidadã na nossa cultura, tendo como eixo temático a educação da adolescência: os novos desafios, mostra através dos números a urgência da problemática da gravidez na adolescência. Tratar-se de uma realidade que exige dos profissionais envolvidos no trabalho com a adolescente o compromisso com a possibilidade de um futuro melhor onde seja possível sonhar e caminhar na busca da realização destes sonhos que serão a direção do amanhã.

Keywords : Adolescência; Gravidez; Sexualidade; Psicopedagogia.

        · text in portuguese