3Pedagogia social y práxis educativo socialTheatre: meeting of senses: Group creation of a play with young students of two schools: one public and one private. Both schools located in Campinas/SP author indexsubject indexsearch form
Home Pagealphabetic event listing  

III Congresso Internacional de Pedagogia Social



Abstract

ARAUJO, Éder Ferreira. A tetraplegia como âmbito de atuação pedagógica social nas perspectivas da educação para a saúde e da qualidade de vida: um estudo multicasos nas realidades espanholas e brasileiras. In Proceedings of the 3nd III Congresso Internacional de Pedagogia Social, 2010, São Paulo (SP) [online]. 2010 [cited 25 May 2024]. Available from: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000092010000100011&lng=en&nrm=iso> .

De há muito vem ocorrendo casos de lesão de medula acometendo pessoas de várias idades, em detrimento às ocorrências circunstanciais: acidentes, quedas, traumatismo automobilístico, mergulho em água rasa, etc... Todavia, a relação corpo/cérebro faz com que a gravidade desse problema seja relacionada a região em que a coluna vertebral é afetada, resultando em alterações das funções motora e sensitiva do sistema orgânico. Assim, dados da literatura sobre tetraplegia destacam a importância do cuidado valorizando a educação para saúde nesse processo. OBJETIVOS: buscar o significado que os tetraplégicos pesquisados têm sobre a sua doença, sentimentos, angústias, medos e aspirações, para com isso desenvolver com eles ações educativas vislumbrando melhoria da qualidade de vida. METODOLOGIA: Trabalhamos uma pesquisa qualitativa, mediatizada pela pesquisa - ação, fundamentada na pedagogia social utilizando referencias teóricos de Freire usando observação participante (Diário de Campo) e entrevista individual (questionário norteador). Participaram três jovens do sexo masculino, solteiros e católicos, um da Espanha e dois do Brasil. A análise dos dados foi por categorização. RESULTADOS: Em relação aos achados (categorias), temos que em experiências e comportamentos identificamos no participante europeu, percepção da gravidade de seu estado, apresentando expectativas positivas de vida, fazendo acertos, ajustes, adaptações considerando a otimização de sua vida. Os demais referem que o começo do enfrentamento da doença e das incapacidades, foi extremamente desolador. Em Opiniões e valores revelam seus sentimentos voltados à perplexidade diante de seus problemas, quando mencionam as dificuldades e as complicações que permeiam sua vida lembrando das conseqüências. Mas, revelam possibilidades e esperanças dando significado relevante à família e à amizade. Frente aos Sentimentos e Emoções, o estrangeiro reflete sobre o acidente ocorrido mostrando a realidade dos efeitos da doença, mas cria expectativas para melhoria da saúde futura, enquanto que os brasileiros, referem "estar tudo acabado". QUANTO QUESTÕES SOBRE: Conhecimentos, os três revelam haver indiferença no meio social em relação à tetraplegia, tabu e preconceito à incapacidade. ASPECTOS SENSORIAIS: Ao receberem a notícia da doença, todos referem ter sido complexo entender esse processo destacando sentimento de insegurança, decepção e perdas reforçando necessidade de ajuda. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Portanto entendem a doença como algo complexo e que demanda ajuda valorizando a educação nesse processo. Evidenciam reabilitação como um processo de atenção, habilidade e confiança. Reconhecem dificuldades e sensação desagradável principalmente na limpeza intestinal. Todavia a maioria é feliz. Trazem mensagens de otimismo e esperança a acreditando em uma força maior. Valorizam educação nesse processo. Disto, faz se mister, a educação para o paciente e para a sociedade.

Keywords : Educação para a Saúde; Pedagogia Social; Tetraplegia.

        · abstract in english     · text in portuguese     · pdf in portuguese