4, v.1La lucha en contra de la violencia urbana, por la participación ciudadana de los adolescentes y jóvenes utilizados por las mafias en Bogotá y Medellín (Colombia)Sociedade letrada contemporânea: inclusão de idosos em processo de alfabetização author indexsubject indexsearch form
Home Pagealphabetic event listing  

IV Congresso Internacional de Pedagogia Social



Abstract

SOUZA, Cristóvão Pereira and PASSEGGI, Maria da Conceição. A narrativa videobiográfica na formação da autonomia de adolescentes abrigados.. In: IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE PEDAGOGIA SOCIAL, 4., 2012, São Paulo. Proceedings online... Associação Brasileira de Educadores Sociais, Available from: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000092012000100013&lng=en&nrm=abn>. Acess on: 29 May. 2024.

Diante da necessidade de se pensar em meios especializados para o atendimento das questões socioeducativas no âmbito da educação não formal, visando o desenvolvido da tríade teoria, prática e profissionalização da Pedagogia Social, este estudo indaga: Como acompanhar adolescentes abrigados na formação de sua autonomia? A questão sintetiza os desafios enfrentados por uma população com dificuldades de ordem diversa daquelas enfrentadas por adolescentes que transitam para a vida adulta em realidades mais estáveis e afetivas. Os abrigados em instituições públicas, civis ou filantrópicas, trazem em suas histórias de vida as cicatrizes dos maus-tratos, rejeições e relações de desafeto, experienciadas no interior de suas famílias; e as marcas dos obstáculos na procura de ajuda, na ausência de sentido para a escola e na falta de perspectivas laborais, vivenciadas fora dela. No âmbito dessa problemática, discutimos a produção de vídeos como gênero narrativo autobiográfico, analisando as potencialidades da narrativa videobiográfica como tutoria audiovisual de resiliência, ao possibilitar a seus autores, independentemente do seu nível de escolarização, a grafia audiovisual de suas histórias para sobre elas refletirem na perspectiva de um projeto de conscientização. Os resultados das análises permitem a identificação das estratégias utilizadas pelos adolescentes para não sucumbirem ao sofrimento, bem como as habilidades e competências passíveis de comprometê-los com a ruptura e a superação das condições de desprovimento e marginalidade que caracterizam a sua exclusão social. Tais resultados permitem ainda avançar que as videobiografias contribuem para a formulação de atendimentos personalizados, ao disponibilizar elementos reveladores da subjetividade dos acolhidos às equipes multidisciplinares, executoras das diretrizes observadas, sobretudo, nos Artigos 3º e 94º do Estatuto da Criança e do Adolescente, que instituem a proteção integral e o atendimento individualizado aos que nessas fases da vida se encontram em situação de acolhimento institucional. Tal estudo - "A videobiografia como dispositivo de pesquisa-ação-formação: uma prática educativa com adolescentes abrigados" - encontra-se em desenvolvimento no âmbito do GRIFAR-UFRN|CNPq (Grupo Interdisciplinar de Pesquisa, Formação, (Auto) Biografia e Representações), vinculado à Linha de Pesquisa "História da Educação, Práticas Socioeducativas e Usos da Linguagem", do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPGEd-UFRN).

Keywords : Pedagogia Social; Adolescência abrigada; Videobiografia; Narrativa; Resiliência.

        · abstract in english     · text in portuguese     · pdf in portuguese