4, v.1A escola e as culturas locais urbanas: diálogos possíveis e necessáriosPolíticas afirmativas: movimentos dos negros e educação superior pública author indexsubject indexsearch form
Home Pagealphabetic event listing  

IV Congresso Internacional de Pedagogia Social



Abstract

SANTOS, Karine dos and STRECK, Danilo. Diálogos entre o social e o popular no campo educativo. In Proceedings of the 4th. Congresso Internacional de Pedagogia Social IV Congresso Internacional de Pedagogia Social, 2012, São Paulo (SP, Brazil) [online]. 2012 [cited 25 February 2021]. Available from: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000092012000100045&lng=en&nrm=iso> .

No Brasil, a expressão das práticas educativas desenvolvidas em âmbito não escolar tem demonstrado que outro campo de atuação se concretiza pautado, especialmente, na superação das condições de sofrimento e marginalidade em que um número significativo da população sobrevive. A multiplicação e a diversidade de ações no campo educativo - campo esse que temos chamado de educação não formal, educação não escolar, práticas socioeducativas, trabalho social, entre outras - nos remete à necessidade de entendimento sobre os fundamentos epistemológicos que pautam estas práticas. Neste sentido, partimos de pressupostos mais longínquos para visualizarmos os cenários que constituíram tal realidade e abriram espaço para que as práticas educativas acontecessem da maneira como acontecem hoje, no Brasil. Para isso, no colocamos o desafio de apresentar e problematizar a relação entre o social e o popular no diálogo com as práticas desenvolvidas no campo educativo, estabelecendo aproximações e distanciamentos entre o que denominamos de campo de resistência (Educação Popular) e campo de intervenção (Pedagogia Social), pautados nas seguintes questões: Que conceito(s) de social servem como fundamento às práticas educativas não escolares atuais? O que o popular pode aportar ao social como indicativo para uma ação transformadora? Onde se aproxima e onde se distancia a Pedagogia Social da Educação Popular ou vice versa? Dialoga-se, entre outros, com os seguintes autores: Machado (2011); Martínez (2011); Krichesky (2011); Caride (2005); Puiggrós (2005); Pérez-Nuñez (2003); Gohn (1999); Castel (1998); Manfredi (1980); Berger e Luckmann (1974). Este trabalho é parte de tese de doutorado em educação em processo que procura tecer argumento entorno do tema - O social educativo na América Latina.

Keywords : Social; Popular; Campo Educativo; Pedagogia Social; Educação Popular.

        · abstract in english     · text in portuguese     · pdf in portuguese