7O bem-estar subjetivo como dimensão de análise da saúde do trabalhadorExploração do trabalho no corte de cana: breves apontamentos do senhor de engenho à agroindústria canavieira do século XXI índice de autoresíndice de assuntospesquisa de trabalhos
Home Pagelista alfabética de eventos  

Seminário de Saúde do Trabalhador de Franca


ISBN 978-85-62480-96-6 versão impressa

Resumo

PEIXOTO, Paulo Cesar e BERTANI, Íris Fenner. A constituição do corpo do doente mental. In Anais do 1º... Seminário de Saúde do Trabalhador de Franca, 2010, Franca (SP, Brasil) [online]. 2010 [citado 10 Agosto 2020]. Disponível em: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000112010000100026&lng=pt&nrm=iso> .

Este artigo pretende esclarecer, a partir da obra de Michel Foucault, o modo de constituição do corpo da doença mental em sua interrelação com as transformações sociais que deram ensejo à sociedade moderna, e junto a estas a emergência da psiquiatria como projeto ligado à legitimação de um processo de exclusão já em andamento. Neste entendimento o saber psiquiátrico, o manicômio, e o corpo objetivado da doença mental, fazem parte de um mesmo projeto de normalização e ortopedia das massas, e de exclusão dos que escapam deste sistema para se tornarem estorvo ao processo produtivo.

Palavras-chave : Doença Mental; Psiquiatria; Manicômio; Exclusão, Processo Produtivo.

        · texto em português     · pdf em português