7Uma creche em que, as cuidadoras de crianças também requerem cuidadosTrabalho operário: representações sobre passado e presente índice de autoresíndice de materiabúsqueda de trabajos
Home Pagelista alfabética de eventos  

Seminário de Saúde do Trabalhador de Franca


ISBN 978-85-62480-96-6 versión impresa

Resumen

AIDAR, Adriana Marques, SANTOS, Fabio Fraga dos, BARROS, Jaqueline de Melo et al. A orientação sexual e identidade na constituição dos movimentos sociais. In Anales del 1º Seminário de Saúde do Trabalhador de Franca, 2010, Franca (SP, Brasil) [online]. 2010 [citado 13 Abril 2021]. Disponible en: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000112010000100033&lng=es&nrm=iso> .

Os movimentos sociais no Brasil têm-se demonstrado como um potente veículo de questionamento e deliberação, exigindo o reconhecimento de minorias, de melhorias substanciais em suas condições de vida, evidenciando, seu papel na política nacional e com isto se apresentam como um novo passo na democracia rumo à consolidação de práticas justas democráticas. Dessa maneira, o presente artigo propõe analisar os aspectos relacionados às estruturas dos movimentos sociais na sociedade brasileira, discutir o protagonismo dos movimentos sociais na constituição da democracia, da cidadania e dos direitos sociais e humanos no Brasil, identificando a questão da orientação sexual, da identidade e a subjetividade na constituição dos movimentos sociais.

Palabras llave : Democracia; Identidade; Participação; Movimentos Sociais; Orientação Sexual.

        · texto en portugués     · pdf en portugués