7A centralidade da categoria trabalho no contexto da precarização das relações de trabalho: perspectivas para o serviço socialDemandas históricas e as respostas profissionais do serviço social: as relações com as esferas socioinstitucionais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de trabalhos
Home Pagelista alfabética de eventos  

Seminário de Saúde do Trabalhador de Franca


ISBN 978-85-62480-96-6 versão impressa

Resumo

CAPUTI, Lesliane e BENATTI, Lucimara P. dos Santos. Serviço social e trabalho: lutas e estratégias frente à precarização na formação profissional. In Anais do 1º... Seminário de Saúde do Trabalhador de Franca, 2010, Franca (SP, Brasil) [online]. 2010 [citado 10 Agosto 2020]. Disponível em: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000112010000100038&lng=pt&nrm=iso> .

A categoria trabalho, neste relato, é entendida como fundante do ser social e, contraditoriamente, eixo central das relações sociais de produção do mundo capitalista, cuja reestruturação produtiva como estratégia do capital, coloca desafios na qualidade da formação profissional, uma vez que, a Educação Superior passa a ser estruturada como mercadoria e não como direito. Neste contexto, expressa a experiência construída no âmbito da coordenação político-pedagógica do colegiado de curso de graduação em Serviço Social, na consolidação e legitimidade de lutas e estratégias frente a esta precarização na formação profissional, buscando assim, efetivar os princípios do projeto ético-político da profissão.

Palavras-chave : Serviço Social; Formação Profissional; Trabalho.

        · texto em português     · pdf em português