3, v.3A atuação internacional dos entes subnacionais: breve análise da condição de atores das relações Internacionais e sujeitos do direito internacionalTransformações nas operações de paz e proteção humanitária no pós-guerra fria índice de autoresíndice de assuntospesquisa de trabalhos
Home Pagelista alfabética de eventos  

3° Encontro Nacional ABRI 2011


ISBN 2236-7381 versão impressa

Resumo

OLIVEIRA, Marcos A. Guedes de e SOUZA, Deywisson Ronaldo O. de. O discurso securitário da parceria estratégica Brasil - União Europeia.. In: 3° ENCONTRO NACIONAL ABRI 2011, 3., 2011, São Paulo. Anais eletrnicos... Associação Brasileira de Relações Internacionais Instituto de Relações Internacionais - USP, Disponvel em: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000122011000300017&lng=pt&nrm=abn>. Acesso em: 23 Maio. 2022.

O artigo ressalta que as relações bilaterais entre o Brasil e a União Européia deixaram de se basear em elementos e temáticas puramente econômicas e comerciais e passaram a incluir temas da área de segurança e defesa.  Por meio da observação documental é feita uma análise dos acordos de cooperação firmados entre as duas partes, notando-se que todos os documentos da Parceria Estratégica são perpassados pela retórica da responsabilidade comum de ambos os lados na fomentação de um espaço internacional menos conflituoso e mais pacífico, e que o conteúdo deles é mais amplo do que os acordos firmados anteriormente entre os dois atores. Identifica-se, ainda, que há uma nova tendência de priorização das obrigações comuns de ambos os parceiros no que se refere aos problemas globais, e, dentro dessa ótica, aqueles que afetam a segurança internacional e a defesa dos Estados e dos seres humanos.

Palavras-chave : Brasil-União Europeia; Parceria; Segurança Internacional; Relações Internacionais.

        · texto em português     · pdf em português