3, v.3Intervenções para a paz em conflitos assimétricos: desafios na formulação de estratégias de estabilização no século XXI em relação a novos atores beligerantesO desafio democrático para a integração Latino-americana índice de autoresíndice de assuntospesquisa de trabalhos
Home Pagelista alfabética de eventos  

3° Encontro Nacional ABRI 2011


ISBN 2236-7381 versão impressa

Resumo

GARCIA, Raphael Tsavkko. A política externa independente brasileira: de Lula/Celso Amorim a Dilma Rousseff/Antônio Patriota e um breve resumo histórico.. In: 3° ENCONTRO NACIONAL ABRI 2011, 3., 2011, São Paulo. Anais eletrnicos... Associação Brasileira de Relações Internacionais Instituto de Relações Internacionais - USP, Disponvel em: <http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=MSC0000000122011000300037&lng=pt&nrm=abn>. Acesso em: 23 Maio. 2022.

O presente trabalho tem o objetivo de, brevemente, colocar em questão as mudanças na política externa brasileira do período Lula/Celso Amorim, relembrando rapidamente os períodos de Rio Branco e Oswaldo Aranha à frente do MRE, períodos de grande independência e pujança da política externa brasileira. Com Rio Branco o Brasil consolidou suas fronteiras e forjou sua identidade nacional, com Aranha compreendeu a necessidade de se industrializar e desenvolver o país e, finalmente, com Celso Amorim, o Brasil novamente buscou mudar o eixo de sua política externa, mas não para outro continente, senão para outro hemisfério. Por fim, o trabalho buscará analisar a guinada atual do governo Dilma em termos de política externa e os recuos frente aos interesses dos EUA e das potências estrangeiras, a fim de destacar a questão.

Palavras-chave : Política Externa; Brasil; Diplomacia; Rio Branco.

        · resumo em inglês     · texto em português     · pdf em português